Quanto custa um Workshop?

Gostava de partilhar convosco algumas dúvidas que me assaltam quando tenho que cobrar dinheiro por um Workshop (WS). E fiquei a pensar nisso depois de alguém me ter dito que gastou 50 Euros para poder ir caçar e acabou por nem sequer ir por causa de problemas que teve com o cão.

Não leiam esta publicação com a sensação de que me estou a queixar. Não! Pelo contrário, estou cheia de gratidão a rever algumas das coisas a que a realização de um WS obriga, muitas outras não se conseguem (d)escrever.

O que faço tem o selo do Amor e sentido de Missão, e quando se faz com Amor o “custo” fica muito diluído. “O trabalho é Amor tornado visível” (K. Gibran)

Para facilitar um WS necessito de:

  • ter formação na área em que vou ensinar (ver nota final);
  • praticar aquilo que ensino (na macrobiótica, no mindfulness e no pão isso é imprescindível);
  • ter um espaço onde estejam reunidas condições para realizar o WS;
  • elaborar os guias para os participantes levarem consigo;
  • divulgar o WS, preparar texto e imagens;
  • responder a emails e telefonemas (que é uma coisa que faço com imenso prazer);
  • registar as inscrições e verificar pagamentos;
  • preparar-me para o WS, relendo e estudando outra vez o tema;
  • no caso dos WS de macrobiótica:
    • elaborar um menu com as receitas e testar todas as receitas (mesmo que já as tenha feito centenas de vezes);
    • calcular as quantidades para o número de pessoas que estarão presentes;
    • fazer uma lista de compras e de utensílios que terei que ter disponíveis;
    • ir às compras às vezes a vários locais, porque nem sempre encontro o que quero de origem biológica num só local;
    • pré-preparar alguns alimentos e ter essa logística toda pensada (o que tem que estar demolhado, o que pode/deve já estar cozido, etc.).
    • fornecer uma refeição completa: sopa, prato com vários acompanhamentos; sobremesa, chás, … tudo de origem biológica.
    • ter pessoas a dar-me assistência;
  • no dia do WS preparar o local, deixar tudo limpo e acolhedor;
  • depois do WS limpar tudo e re-organizar o espaço.

Quando forem a um WS, meu ou de alguém que tenha formação para o facilitar, pensem um pouco sobre se o valor que estão a pagar. Será que ele cobre realmente todos os custos associados?

Nota: Cada uma das minhas formações, as de macrobiótica e as de mindfulness custaram mais de 5000 Euros (portanto, tenho investidos muito mais de 10 000 Euros em formações nestas áreas). Custaram centenas de horas, a maioria aos fins de semana ou durante as minhas férias. Custaram muitas horas de ausência junto da minha família. Obrigaram a muitas opções diferentes daquelas que faria se não tivesse assumido esses compromissos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *